Santa Cruz

SANTA CRUZ

Técnico da base do Santa Cruz avalia time em torneio nacional e indica destaques para 2019

Rômulo Oliveira, que comanda o sub-20 e o sub-23 coral, falou também do processo de preparo dos atletas para "subirem" ao elenco profissional

postado em 07/09/2018 09:00 / atualizado em 06/09/2018 20:48

Twitter Oficial do Santa Cruz/Divulgação
O Santa Cruz vem fazendo um processo de reformulação no futebol profissional, onde é visado o maior uso dos jogadores oriundos da base a partir do próximo ano. Para isso, o clube montou novamente a sua categoria sub-23 para a disputa do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, onde terminou na sexta colocação do Grupo B, com cinco pontos. Os Corais enfrentaram vários clubes que, no profissional, disputam a Série A, como o Grêmio e o São Paulo, e possuem tradição nas suas categorias de base. 

Para o técnico do Santa Cruz na categoria, Rômulo Oliveira, que também comanda o sub-20 do Tricolor, a campanha foi boa e serviu para que jovens valores do clube chamassem a atenção. “A nossa participação no Campeonato Brasileiro de Aspirantes foi significativa e satisfatória. Porque participamos de uma competição de alto nível, jogando com equipes de elevado índice técnico, de nível Série A. (Jogamos) com uma equipe muito madura, onde usamos atletas de 18 anos nesses jogos e brigamos pela classificação até a última rodada. Vencemos o Grêmio aqui, por um a zero, fazendo com que alguns atletas nossos fossem mais reconhecidos dentro do clube”, falou o treinador.

Com isso, o clube planeja promover alguns desses jogadores para o elenco principal no próximo ano. Um dos casos pode ser o do volante Jeffinho, de 23 anos, que renovou com o Santa Cruz para o ano que vem.Ele integrou o time de aspirantes e foi um dos destaques corais no campeonato. Este processo tem servido para dar maior rodagem a estes jogadores, para que possam chegar ao profissional mais preparados para a diferença de nível técnico e de exigência.  

“Essa equipe de transição que foi criada no Santa, o sub-23, já foi uma equipe montada visando isso (montagem do elenco) para 2019. Independente do acesso ou não do profissional (para a Série B neste ano), já era um projeto da diretoria do profissional, e da diretoria da base, de utilizar esses garotos no estadual de 2019. Por isso, a partir desse trabalho que está sendo desenvolvido, hoje já temos 15 jogadores predefinidos para a pré-temporada 2019, oriundos dessa equipe de transição”, revelou Rômulo Oliveira.

Com todo o trabalho desenvolvido ao longo do ano, alguns jogadores se destacaram e já chamaram a atenção do clube, como o lateral direito Warley, os volantes Caetano e Jeffinho, além do atacante Paulo Victor. Nomes que podem compor uma nova etapa dentro dos 104 anos do Santa Cruz, em busca de novas conquistas.