Futebol Nacional

RACISMO

Marinho, do Santos, chora após fala racista de comentarista: 'É horrível'

Comentarista Fabio Benedetti disse em rádio: 'Você é burro, você está na senzala, você vai sair do grupo uma semana para pensar sobre o que você fez'.

postado em 31/07/2020 14:49 / atualizado em 31/07/2020 16:50

(Foto: Reprodução)
Marinho, do Santos, foi alvo de uma fala racista do comentarista Fabio Benedetti, conhecido como Chef Benedetti, na transmissão da partida contra a Ponte Preta pela Rádio "Energia 97", na noite da última quinta-feira, pelas quartas de final do Campeonato Paulista.
No intervalo da partida, pouco depois da expulsão de Marinho, Benedetti respondeu o que diria ao atacante em um grupo de Whatsapp:

"Eu vou falar assim: 'Você é burro, você está na senzala, você vai sair do grupo uma semana para pensar sobre o que você fez'".

A fala repercutiu nas redes sociais. Fabio Benedetti pediu desculpas. Marinho publicou uma nota e, ainda na manhã desta sexta, chorou em desabafo.

"É de sentir na pele. Toda vez eu defendo a bandeira. Quando se passa na pele, se sofre. Estou com a roupa do clube, fui dormir sete da manhã, acordei às 9h. Todos os funcionários sabem do tratamento em dois períodos para ter jogado. E numa atitude infantil, prejudiquei o Santos e pedi perdão pela expulsão. Agora vim falar sobre o que aconteceu. Por isso brigo pela causa. É horrível passar na pele. Não podemos deixar passar, sei o valor que eu tenho. Fico pensando, tá ligado? Antigamente não tinha voz ativa, passava desapercebido. Muita gente que não tem voz ativa baixa a cabeça a anda. Eu brigo pela causa porque tenho voz. E isso só mostra que quem não tem voz passa por coisa pior. A gente tem aceitado muito ainda. Justiça não pune os preconceituosos, vermes. Mas Deus perdoa, cara. Fica em paz", disse Marinho, aos prantos.






Tags: santos racismo serieb choro marinho seriea pontepretasp