Santa Cruz

CLÁSSICO DAS EMOÇÕES

Náutico e Santa Cruz fazem primeiro de um ano recheado de Clássico das Emoções

Alvirrubros e tricolores podem se enfrentar até 11 vezes ao longo de 2019. O primeiro neste sábado, nos Aflitos, pelo Nordestão

postado em 08/02/2019 21:30 / atualizado em 08/02/2019 22:20

Montagem/Superesportes
Novamente juntos na Série C, Náutico e Santa Cruz se enfrentarão, no mínimo, quatro vezes este ano. Número que pode subir até para onze, a depender do desempenho dos dois clubes nas competições ao longo da temporada. Porém, ironicamente, o primeiro embate, marcado para este sábado, às 18h30, pela Copa do Nordeste, também tem ares de reencontro. Isso porque os rivais centenários voltam a se encontrar no estádio dos Aflitos, após quase seis anos. O último ocorreu em abril de 2017, válido pelo Campeonato Pernambucano.

E para o primeiro Clássico das Emoções de 2019, alvirrubros e tricolores chegam em momentos distintos. Apesar de ambos ainda estarem iniciando seus trabalhos (ambos farão o oitavo jogo na temporada), a desconfiança em cima dos donos da casa é maior. Com três vitórias, um empate e três derrotas e um futebol pouco convincente, o trabalho do técnico Márcio Goiano a frente do Náutico já começa a ser contestado. 

Por isso, o clássico pode ser um fiel da balança interessante na pressão sobre o treinador, que terá outro desafio importante já na próxima terça-feira, diante do Imperatriz, pela Copa do Brasil. Na Copa do Nordeste, o Timbu é o 5º colocado do Grupo B, com quatro pontos.

Ciente do momento, o comandante alvirrubro não descartou promover mudanças na equipe. Seja de jogadores ou mesmo do esquema tático. Na defesa, o retorno do zagueiro Sueliton, poupado na última quarta-feira, contra a Acadêmica Vitória, é certo. A dúvida fica com relação ao seu parceiro, com Camutanga, Diego Silva e Rafael Ribeiro disputando a vaga. Todos, sem a devida confiaça da torcida.

Porém, a principal mudança pode vir no meio de campo, com a entrada do volante Maylson. Recuperado de uma lesão muscular, o jogador pode mudar o esquema tático do time, com a possibilidade de Márcio Goiano reforçar a marcação no meio de campo com três volantes. O que também permitiria um avanço do meia-atacante Jorge Henrique. Principal contratação do clube para a temporada, o jogador ainda deve uma grande apresentação. Jogando recuado, ainda não marcou gols.

Já no Santa, Leston Júnior já goza de maior prestígio. Somando quatro vitórias, dois empates e apenas uma derrota até o momento, o tricolor vem sendo elogiado pela consistência tática da equipe, que vem de três triunfos seguidos. No Nordestão, a equipe defende a sua manutenção no G4. É o terceiro colocado, com quatro pontos.

Leston ainda tem, em tese, uma vantagem sobre os alvirrubros. Isso porque, ao contrário de Márcio Goiano que utilizou força máxima no meio de semana pelo Estadual, o comandante tricolor optou por descansar seus principais atletas e mandar uma equipe alternativa na vitória por 2 a 1 sobre o Petrolina, na última quarta-feira.

O treinador contará ainda com o retorno do lateral esquerdo Bruno Ré, recuperado de lesão. Assim, o criticado Raphael Soares volta para o banco de reservas. No ataque, Pipico e Neto Costa disputam a titularidade.  

Jogos certos entre Náutico e Santa em 2019

Campeonato Pernambucano (9ª rodada)
17/3 - Náutico x Santa Cruz - Aflitos

Série C 
Dois jogos

Possíveis jogos entre Náutico e Santa em 2019

Campeonato Pernambucano
uma ou duas partidas nas fases finais

Copa do Brasil
Uma partida (confronto pela segunda fase)

Copa do Nordeste
Duas partidas (em caso de final)

Série C
Duas partidas (em caso de final)  

Ficha do jogo

Náutico
Bruno; André Krobel, Sueliton, Camutanga (Rafael Ribeiro) e Gabriel Araújo; Jimenez, Luiz Henrique, Maylson (Fábio) e Jorge Henrique; Robinho e Wallace Pernambucano. Técnico: Márcio Goiano.

Santa Cruz
Ricardo Ernesto; Marcos Martins, Vitão, Danny Morais e Bruno Ré; Charles, Diego Lorenzi e Allan Dias; Jô, Elias Carioca e Pipico. Técnico: Leston Júnior.

Local: Aflitos
Horário: 18h30
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Assistentes: Marcos Welb Rocha e Elicarlos Franco de Oliveira (ambos da BA)
Ingressos: R$ 40 (arquibancada) R$ 20 (estudante e sócio standard); R$ 12 (sócio patrimonial/contribuinte), R$ 16 (sócio torcedor); R$ 100 (cadeiras), R$ 50 (sócio do Náutico)